Ágar-Ágar TRIO

Release:

O espetáculo do grupo tem como principal objetivo divulgar as trilhas musicais de Moacir Santos para cinema, desde o início dos anos 1960 no Brasil até suas produções internacionais. A formação do trio se inspira essencialmente na música popular brasileira, revisitando as sonoridades de gêneros como choro, baião e samba-jazz, misturando-os com padrões rítmicos afro-brasileiros. Essa iniciativa surgiu de uma pesquisa acadêmica do músico e pesquisador Lucas Bonetti, que culminou na publicação do site Trilhas Musicais de Moacir Santos, com o apoio do RUMOS Itaú Cultural e da FAPESP.

Formação:

Clarone/Clarinete, Guitarra e Percussão

Músicos que já integraram o grupo:

Jussan Cluxnei, Lucas Brogiolo, Rubens de Oliveira

 

Participação em eventos:

  • Trilhas Brasileiras – 18/08/16
    Teatro do SESC Campinas

 

Shows:

  • Centro Histórico e Cultural Mackenzie (São Paulo) – 15/09/2016

  • Espaço Cultural Dodecafônico (Jundiaí) - 20/05/2016

Lucas

LUCAS BONETTI

Guitarra, arranjos e composições

Doutor e mestre pela UNICAMP, estudou a obra de Moacir Santos por meio da análise de suas trilhas musicais para cinema e televisão. É o autor do livro "Entrevistas com Compositores Brasileiros de Música para Audiovisual e Dramaturgia".

Jussan

JUSSAN CLUXNEI

Clarone e clarinete

Bacharel em Clarinete pela UNESP, foi integrante da Orquestra de Sopros do Conservatório de Tatuí, clarinetista e claronista da Orquestra do Theatro São Pedro por sete anos e hoje atua na Orquestra Filarmônica de Goiás.

Brogiolo

LUCAS BROGIOLO

Percussão

Formado em percussão popular pela ULM, tem seu trabalho voltado para a música brasileira, desde ritmos da cultura tradicional, como o choro, aos estilos mais modernos. Participou de trabalhos ao lado de Francis Hime, Vinicius Dorin, Roberto Sion, Ari Colares, Michel Freidenson e outros.